Teutônia -Mulher morta pelo marido em Teutônia era Panambiense

Sábado, 19 de Julho de 2014

Fotos-Facebook

A panambiense Daiane Siebeneichler, 33 anos, foi brutalmente assassinada pelo próprio companheiro, Levi Lopes de Castro, 28 anos, na casa onde moravam, em Teutônia. Segundo ocorrência policial, ela foi morta a facadas, por volta das 20h, na quinta-feira, 17. O desentendimento entre o casal ocorreu porque ela não queria deixar o homem, usuário de drogas, entrar em casa. Portando uma faca, Levi desferiu golpes contra a mulher, atingindo a região do tórax. Ela chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

O acusado fugiu e foi localizado na casa de um irmão, onde confessou o crime. Ele foi detido em flagrante e encaminhado à Delegacia de Polícia de Lajeado, e posteriormente, conduzido ao presídio.

No dia 14, ela teria feito um registro na polícia do desaparecimento do companheiro, que é usuário de drogas. Ele foi localizado no dia 16, em Lajeado, e levado por ela de volta para casa.

Daiane morou até pouco tempo em Panambi e teve sua infância na cidade das maquinas a qual freqüentou a escola Poncho verde. Segundo informações ela chegou trabalhar no comércio local.

Amigos de Panambi ficaram surpreendidos com a brutalidade que Daiane foi assassinada.

O corpo de Daiane foi velado na cidade de Teutônia e sepultamento ocorreu na tarde de hoje naquela localidade. Daiane enfrentava problemas com seu marido o que veio tirar sua vida.

 

Fotos

Tags
Categoria: Policial

Veja também:

Comentários

  1. Nenhum comentário postado. Seja o primeiro!

Postar um Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos Obrigatórios *


Código de Segurança


Ao clicar em "Postar comentário", você estará assumindo total responsabilidade sobre o conteúdo de sua mensagem, além de estar implicitamente concordando com as regras apresentadas acima. Por medidas de segurança, seu ip 54.221.136.62 também será armazenado.