NORTE RS - -
   Cadastrar          Login
  Icone Facebook Norte RS Icone Instagram Norte RS Icone Contato Norte RS
Logo Norte RS
 

Publicidade Norte RS
As informações e opiniões expressas nesta coluna são de inteira responsabilidade do colunista e não necessariamente refletem o posicionamento deste portal

Glaucoma afeta 80 milhões de pessoas no mundo

O Glaucoma atinge 3% das pessoas acima dos 40 anos. De 2010 até 2018 os casos da doença no Brasil aumentaram de 900 mil para 2,5 milhões, no mundo

Brasil

Data da Publicação da Notícia : 10/07/2020 - 08:58

 
Foto Notícia Geral

Segundo dados do Conselho Brasileiro de Oftalmologia, o Glaucoma atinge 3% das pessoas acima dos 40 anos. De 2010 até 2018 os casos da doença no Brasil aumentaram de 900 mil para 2,5 milhões, no mundo, estima-se que 80 milhões de pessoas sejam afetadas pela doença, conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS). O glaucoma se caracteriza por afetar o nervo ótico, levando a perda visual progressiva e irreversível. Para o Oftalmologista do Corpo Clínico do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP), de Passo Fundo, e clínica Garbin Oftalmoclínica, Dr. Alexandre Higuchi, o diagnóstico precoce é fundamental para manter a visão e a qualidade de vida do paciente.

Higuchi afirma que a doença tem como fatores de risco a pressão intraocular elevada, histórico familiar (genética), idade, alta miopia, doenças sistêmicas (Hipertensão Arterial, Diabetes, entre outras). O Oftalmologista orienta que consultas regulares anuais ou a cada dois anos, conforme orientação médica, são fundamentais para a prevenção. “Não há cura para a doença, por isso devemos fazer o diagnóstico mais precoce possível”, pontua.

O médico ressalta que quando se fala em saúde visual é preciso ter em mente consultas médicas e exames de diagnósticos, no caso do glaucoma. “Estima-se que metade dos pacientes que tem a doença não tem o diagnóstico.  A causa para isso pode ser a falta de acesso a medicina, a falta de consultas regulares, a ausência de sintomas iniciais”, relata.

A falta de sintomas iniciais se deve pelo fato da elevação da pressão intraocular ser lenta, assim como a perda de campo visual. “Nas fases mais avançadas o paciente pode sofrer quedas, acidentes de trânsito (na direção ou como pedestre), por não enxergar a periferia lateral e inferior do campo visual.  Na fase final da doença pode haver uma visão central de “100%”, mas sem campo visual (como olhar pelo buraco de uma fechadura), seguida de perda total da visão, nos casos graves, mais agressivos e/ou não tratados”, explica Higuchi.

O oftalmologista ressalta que a suspeita do diagnóstico ocorre na consulta quando são feitas a medida da pressão nos olhos e avaliação do nervo óptico. A suspeita pode ser confirmada por meio dos exames de Paquimetria, Campo Visual, Retinografia colorida e OCT ou Tomografia do Nervo Óptico. Apesar de ainda não haver uma cura para a doença, Higuchi salienta que existe tratamento e se for seguido à risca impede ou retarda a progressão do glaucoma. “O tratamento é feito inicialmente com colírios que abaixam a pressão intraocular. As cirurgias minimamente invasivas (MIGS) vêm ganhando espaço, sendo indicadas para diminuir a necessidade dos colírios, trazendo mais segurança, conforto e qualidade de vida ao paciente glaucomatoso. A cirurgia convencional ainda está indicada para casos mais graves, ou com perda da função dos colírios”, pontua.


Publicidade 660-110
 

Galeria
 
 
TAGS:
CATEGORIA: Saúde e Bem Estar
Fonte: Scheila Zang - HSVP
Colunista:
Arquivo:
Visualizar arquivo cadastrado

Voltar ao topo
 


Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS

 

Emoção marca Dia da Prematuridade no Hospital Unimed Noroeste/RS

 

Hospital Unimed restringe cirurgias pelo aumento da demanda relacionada à Covid-19

 

Quero Consulta: novo aplicativo da Unimed torna mais prático agendamento médico

VER TODAS AS NOTÍCIAS +


FAÇA O SEU COMENTÁRIO

Seu endereço de email não será publicado

MAIS VISUALIZADAS

 

Vidro e outros sucesso dos cinemas estão no Cine Globo Palmeira

 

Município ultrapassa meta de vacinação contra a Poliomielite e Sarampo

 

Suspeito de descumprimento de medidas protetivas é preso em Passo Fundo

VER TODAS AS NOTÍCIAS +


Publicidade Norte RS
Logo Norte RS
Icone Facebook Icone Instagram Icone Contato


Icone Base Contato ENTRE EM CONTATO
 
 

NORTE RS
(54)9942-6757
(55)8442-4962
atendimento@norters.com.br

Icone Base Menu MENU NORTE RS
 
VARIEDADES
ECONOMIA E POLÍTICA
VÍDEOS
SAÚDE E BEM-ESTAR
ENTRETENIMENTO
POLICIAIS
 

ESPORTES
COLUNISTAS
OBITUÁRIO
GASTRONOMIA
EDUCAÇÃO
ESPECIAIS
CARIJO DA CANÇÃO GAÚCHA
 
 
NORTE RS. Todos os direitos reservados.
Logo Estúdio Sul