NORTE RS - -
   Cadastrar          Login
  Icone Facebook Norte RS Icone Instagram Norte RS Icone Contato Norte RS
Logo Norte RS
 

Publicidade Norte RS

PANORAMA POLÍTICO: O vazamento e as repercussões

Data da Publicação da Notícia : 11/06/2019 - 09:25

 
Foto Notícia Geral

A capital da República começou a semana com as estruturas abaladas. Brasília ainda tenta assimilar o vazamento de conversas - no mínimo polêmicas - do ministro da Justiça, Sergio Moro, com integrantes da força-tarefa da Operação Lava Jato. 

No domingo (9), o site The Intercept Brasil tornou público diálogos privados entre membros do Ministério Público Federal e o ex-juiz Sergio Moro. Ao todo foram três reportagens e um editorial.

Segundo o Intercept, Moro teria sugerido a troca da ordem de fases da Lava Jato e dado conselhos e pistas sobre investigações. 

As suspeitas são de que as mensagens teriam sido acessadas por um ataque hacker a celulares e aplicativos de mensagens. O Intercept, porém, nega que o caso tenha envolvimento com a notícia da invasão de dados dos celulares do ministro Moro, divulgada na última semana.

A verdade é que a notícia do vazamento assustou Brasília e gerou reações por todas as partes.

A oposição anunciou que vai pedir o afastamento de Sergio Moro do ministério da Justiça, e a suspensão dos procuradores Deltan Dallagnol e Laura Tessler, da força-tarefa da Lava Jato. 

A deputada do PCdoB do Rio de Janeiro, Jandira Feghali disse que a oposição vai “obstruir todas as pautas, enquanto não forem tomadas medidas concretas em relação a isso”.

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil recomendou o afastamento temporário de Moro e Dallagnol de seus cargos.

Por outro lado, a força-tarefa da Lava Jato informou em nota que "há a tranquilidade de que os dados eventualmente obtidos refletem uma atividade desenvolvida com pleno respeito à legalidade e de forma técnica e imparcial, em mais de cinco anos de operação". 

Na mesma linha do MP, Sergio Moro fala em "invasão criminosa" e não vê anormalidade em "supostas mensagens"

No Congresso, a Frente Parlamentar da Segurança Pública tomou posição à favor dos procuradores da República e do ex-juiz Moro. Em nota, eles disseram que um “duvidoso site” manipulou “livremente” o conteúdo publicado.

O cenário ainda é nebuloso. E por isso, torna-se difícil a análise dos desdobramentos que o caso pode produzir nos próximos dias. Ainda mais porque não há como se ter ideia de quanto do conteúdo hackeado não foi publicado pelo portal.

A princípio, mesmo com todo o constrangimento, nada do que foi revelado configura algum crime que tenha sido cometido por Moro ou pelos integrantes da força-tarefa Lava Jato.


Publicidade 660-110
 

Galeria
 
 
TAGS:
CATEGORIA: Economia e Política
Fonte: www.agenciadoradio.com.br
Colunista:Perfil NorteRS
Arquivo:
Visualizar arquivo cadastrado

Voltar ao topo
 


Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS

 

PIS/Pasep: benefício para os nascidos em agosto já está liberado

 

Brasil deixa Mercosul, caso Argentina "crie problema", diz Bolsonaro

 

Receita paga hoje restituições do 3º lote do Imposto de Renda 2019

VER TODAS AS NOTÍCIAS +


FAÇA O SEU COMENTÁRIO

Seu endereço de email não será publicado

MAIS VISUALIZADAS

 

Cirurgião Buco-Maxilo-Facial realiza pesquisa inédita no mundo

 

Operação Estábulo prende dois homens em flagrante por tráfico de drogas em Lagoa Vermelha

 

Polícia Civil declarou que “tudo indica” que o carro onde estava o artista foi alvejado por 80 vezes foi confundido com o veiculo de criminosos

VER TODAS AS NOTÍCIAS +


Publicidade Norte RS
Logo Norte RS
Icone Facebook Icone Instagram Icone Contato


Icone Base Contato ENTRE EM CONTATO
 
 

NORTE RS
(54)9942-6757
(55)8442-4962
atendimento@norters.com.br

Icone Base Menu MENU NORTE RS
 
VARIEDADES
ECONOMIA E POLÍTICA
VÍDEOS
SAÚDE E BEM-ESTAR
ENTRETENIMENTO
POLICIAIS
 

ESPORTES
COLUNISTAS
OBITUÁRIO
GASTRONOMIA
EDUCAÇÃO
ESPECIAIS
CARIJÓ DA CANÇÃO GAÚCHA
 
 
NORTE RS. Todos os direitos reservados.
Logo Estúdio Sul