NORTE RS - -
  Icone Facebook Norte RS Icone Instagram Norte RS Icone Contato Norte RS
Logo Norte RS
 

Publicidade Norte RS

Capitais da região Sul registram queda em suas receitas totais

O ano de 2017 foi de queda nas receitas totais das capitais da região Sul do país.

Brasil

Data da Publicação da Notícia : 18/01/2019 - 16:45

 
Foto Notícia Geral

Os dados foram divulgados recentemente no anuário Multi Cidades – Finanças dos Municípios do Brasil, da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), e apontam redução de 2,4% em Curitiba (PR), de 1,8% em Florianópolis (SC) e de 0,7% em Porto Alegre (RS), quando comparado com o total de 2016.

Além das capitais, os municípios de Viamão (RS) e Caixas do Sul (RS) também tiveram suas receitas reduzidas em 2017, quando comparado a 2016: - 9,1% e – 5,5%, respectivamente. Por outro lado, três municípios do Paraná estão na ponta do ranking dos maiores incrementos nas receitas: Foz do Iguaçu, Ponta Grossa e Cascavel, que registraram altas de 19,1%, 9% e 6%, respectivamente, no período analisado.

Apesar de ter registrado o maior aumento na receita entre os municípios do Sul, Foz do Iguaçu (PR) também aumentou suas despesas no período analisado, que passaram de R$ 684,4 milhões em 2016 para R$ 838,3 milhões em 2017, alta de 22,5%. O mesmo aconteceu em Ponta Grossa (PR), que aumentou a receita, mas também teve alta de 7% na despesa total. A capital Curitiba (PR) registrou alta de 4,5% em sua despesa no período analisado. 

Entre os municípios que conseguiram reduzir suas despesas estão as capitais Porto Alegre (RS) e Florianópolis (SC), com quedas e 3% e 4,7%, respectivamente, em 2017. Outras retrações consideráveis foram registradas em Canoas (RS), Cascavel (PR) e Caxias do Sul (RS), com quedas de 9,3%, 5,6% e 5,3%, respectivamente, no período analisado.

Em sua 14ª edição, a publicação utiliza como base números da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) e Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apresentando uma análise do comportamento dos principais itens da receita e despesa municipal, tais como ISS, IPTU, ICMS, FPM, despesas com pessoal, investimento, dívida, saúde, educação e outros.

O Multi Cidades – Finanças dos Municípios do Brasil (Ano 14 - 2019) foi viabilizado com o apoio de Alphaville Urbanismo, APP 99, BRB, Comunitas, Guarupass, Hauwei, MRV, prefeitura de Cariacica/ES, prefeitura de Guarulhos/SP, prefeitura de Ribeirão Preto/SP, prefeitura de São Caetano do Sul/SP, Sabesp, Saesa e Sanasa.

As maiores receitas do Sul


As maiores despesas do Sul
Fonte: Multi Cidades – Finanças dos Municípios do Brasil

Fonte: Multi Cidades – Finanças dos Municípios do Brasil

Panorama Brasil

A economia brasileira apresentou uma ligeira melhora em 2017, quando o Produto Interno Bruto (PIB) do país cresceu 1%, após dois anos de uma severa recessão, com uma queda acumulada do PIB de 6,9%. A saída da recessão possibilitou uma reação da receita dos três níveis de governo.

Com base nos dados extraídos do portal Compara Brasil e da Receita Federal é possível observar que nos dois anos mais agudos da crise econômica a receita total da União recuou 5,7%, em 2015, e 4,7%, em 2016. Em 2017, cresceu em 2,5%, excluindo-se os recursos extraordinários provenientes da Lei da Repatriação, tanto em 2016, quanto em 2017.

Já o conjunto dos estados, por sua vez, que havia registrado quedas de 4,3% e 5,4% na receita corrente nos mesmos anos, apresentou aumento de 2,4%, em 2017, também descontando-se os recursos da Lei da Repatriação.

A melhora do ambiente econômico também se fez sentir no âmbito municipal, que obteve um desempenho igual ao dos demais níveis de governo. A receita corrente municipal, que havia encolhido no biênio 2015-2016, em 2,3% e 2,6%, registrou um aumento de 2,1%, quando excluídos os recursos extraordinários advindos da Lei da Repatriação. “Importante ressaltar, entretanto, que mesmo assim, a receita corrente municipal ficou abaixo do patamar de 2014, o mais alto da série histórica’, destacou o economista responsável pelo anuário, Alberto Borges.

A receita total per capita média dos municípios brasileiros foi de R$ 2.740,02, em 2017. As regiões do país onde os municípios possuem as maiores médias são Sul e Sudeste, seguidas do Centro-Oeste. Nas regiões Norte e Nordeste, a receita total per capita ficou abaixo da média nacional.

De acordo com a FNP, em 2017, o resultado consolidado das contas municipais apresentou um superávit de R$ 13,35 bilhões, o maior desde 2002, ano em que se inicia a série histórica de dados compilados por Multi Cidades. Esse resultado positivo, equivalente a 2,4% da receita municipal, foi possível devido à política de contenção de gastos, notadamente dos investimentos, iniciada dois anos antes e que teve continuidade no primeiro ano de mandato das atuais administrações. Em 2015, primeiro ano da crise econômica, as despesas municipais foram reduzidas em 3,2%, no ano seguinte recuaram 2,5%, para voltar a cair 2% em 2017, quando atingiram R$ 547,31 bilhões.

Publicidade 660-110
 
 
TAGS:
CATEGORIA: Economia e Política
Fonte: Multi Cidades – Finanças dos Municípios do Brasil
Colunista:
Arquivo:
Visualizar arquivo cadastrado

Voltar ao topo
 


Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS

 

Receita paga hoje as restituições do 1º lote do Imposto de Renda

 

Senado analisa proposta que limita juros cobrados por bancos e operadoras de cartão de crédito

 

VENEZUELA: Cédulas de até 50 mil bolívares começam a circular no país

VER TODAS AS NOTÍCIAS +


COMENTÁRIOS

Debraslele



FAÇA O SEU COMENTÁRIO

Seu endereço de email não será publicado

MAIS VISUALIZADAS

 

CESURG abre contratação de novos professores em Marau

 

Conferência debate sobre o Sistema Nacional de Educação

 

Barra Funda: Ex prefeito é condenado por desvio de verba

VER TODAS AS NOTÍCIAS +


Publicidade Norte RS
Logo Norte RS
Icone Facebook Icone Instagram Icone Contato


Icone Base Contato ENTRE EM CONTATO
 
 

NORTE RS
(54)9942-6757
(55)8442-4962
atendimento@norters.com.br

Icone Base Menu MENU NORTE RS
 
VARIEDADES
ECONOMIA E POLÍTICA
VÍDEOS
SAÚDE E BEM-ESTAR
ENTRETENIMENTO
POLICIAIS
 

ESPORTES
COLUNISTAS
OBITUÁRIO
GASTRONOMIA
EDUCAÇÃO
ESPECIAIS
CARIJÓ DA CANÇÃO GAÚCHA
 
 
NORTE RS. Todos os direitos reservados.
Logo Estúdio Sul