NORTE RS - -
  Icone Facebook Norte RS Icone Instagram Norte RS Icone Contato Norte RS
Logo Norte RS
 

Publicidade Norte RS

Prefeito veta projeto de lei que concedia mudança de padrão para os fiscais municipais

No dia 13 deste mês, o Prefeito de Sarandi, Leonir Cardozo

Sarandi

Data da Publicação da Notícia : 20/11/2018 - 10:57

 
Foto Notícia Geral

No dia 13 deste mês, o Prefeito de Sarandi, Leonir Cardozo, enviou para à apreciação da Câmara de Vereadores, o veto em face do projeto de lei que concedia mudança de padrão para os fiscais municipais, aprovado na sessão ordinária de 05 de novembro de 2018.

Confira abaixo o veto na íntegra:

“Ao cumprimentá-lo, extensivo ao demais Vereadores, levo ao vosso conhecimento que o Executivo Municipal, fulcrado no § 1º do Art. 35 da Lei Orgânica do Município, apôs VETO total ao Projeto de Lei Complementar nº 006, de 31 de agosto de 2018, que acabou sendo aprovado na sessão ordinária do dia 05 de novembro de 2018 pela maioria dos Senhores Vereadores, por ter se revelado um projeto que desatende ao requisito da constitucionalidade, e que também contraria, em alguns aspectos, o próprio interesse público.

Admite-se que o Poder Executivo ao tentar encontrar solução para duas questões distintas por meio de um único Projeto de Lei, acabou não percebendo que a iniciativa, por melhor intenção que tenha tido, e de fato teve, não atende aos requisitivos de legalidade e constitucionalidade, e nem representa a forma mais segura e adequada de satisfação do interesse público, especialmente sob o ponto de vista da economicidade.

A primeira, e que pode ser também considerada como a principal questão que motivou a elaboração e encaminhamento do citado Projeto de Lei foi a necessidade e a intenção de sanarmos um apontamento do TCE/RS.

Isto porque o último relatório de auditoria de regularidade e acompanhamento de gestão do Poder Executivo (Processo 004866-0200/17-6), emitido pela equipe de auditoria externa do TCE/RS, traz o apontamento de que o município não dispõe de fiscal tributário, e que as atribuições do cargo de fiscal existente no quadro de cargos do município, não abrange também a fiscalização tributária, a qual os auditores entendem que deveria ser promovida por servidor com formação superior, preferencialmente nas áreas de direito, ciências contábeis ou administração.

A segunda e correlata questão, que igualmente motivou a elaboração e encaminhamento do Projeto de Lei Complementar nº 006/2018 à Camara Municipal de Vereadores, foi aproveitar a medida que seria proposta para sanar o apontamento do TCE/RS, para também atender a uma antiga reivindicação da classe dos fiscais do município.

Até mesmo como compensação pela ampliação de suas atribuições, que passaria a contemplar além daquelas já existentes também a fiscalização tributária.

Publicidade 660-110
 
 
TAGS:
CATEGORIA: Economia e Política
Fonte: Assessoria de imprensa - Sarandi
Colunista:

Voltar ao topo
 


Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS

 

Bolsonaro participa de assinaturas de contratos do setor elétrico

 

Preço da gasolina sobe pela 4ª semana e acumula alta de 3,5% em um mês

 

Governo quer tirar do papel acordo de livre comércio com Chile

VER TODAS AS NOTÍCIAS +


FAÇA O SEU COMENTÁRIO

Seu endereço de email não será publicado

MAIS VISUALIZADAS

 

Românticos e atrevidos: presentear com lingerie aquece a relação

 

Chuva causa estragos no interior de Sarandi

 

Policia Civil Desencadeia operação denominada "Cupinxas" realizando total de vinte prisões

VER TODAS AS NOTÍCIAS +


Publicidade Norte RS
Logo Norte RS
Icone Facebook Icone Instagram Icone Contato


Icone Base Contato ENTRE EM CONTATO
 
 

NORTE RS
(54)9942-6757
(55)8442-4962
atendimento@norters.com.br

Icone Base Menu MENU NORTE RS
 
VARIEDADES
ECONOMIA E POLÍTICA
VÍDEOS
SAÚDE E BEM-ESTAR
ENTRETENIMENTO
POLICIAIS
 

ESPORTES
COLUNISTAS
OBITUÁRIO
GASTRONOMIA
EDUCAÇÃO
ESPECIAIS
CARIJÓ DA CANÇÃO GAÚCHA
 
 
NORTE RS. Todos os direitos reservados.
Logo Estúdio Sul