NORTE RS - -
  Icone Facebook Norte RS Icone Instagram Norte RS Icone Contato Norte RS
Logo Norte RS
 

Publicidade Norte RS

A cultura do preconceito e a violência homofóbica

Data da Publicação da Notícia : 22/08/2018 - 07:45

 
Foto Notícia Geral
Foto:

A humanidade historicamente lutou pela garantia de seus direitos, de liberdade e igualdade. Notavelmente, após o século XVIII, a sociedade enfrenta um cenário polêmico que vem sendo debatido com mais visibilidade o preconceito contra homossexuais, bissexuais e transexuais.

A homofobia tem causas culturais, políticas, sociais e também 
religiosas. Tanto a mídia quanto as estatísticas nos mostram a violência vivida por grupos que compõe a diversidade sexual, causando a exclusão de pessoas com base no seu sexo ou orientação sexual.

Na maioria das vezes, a falta de conhecimento ocasiona a discriminação decorrente de um processo que, através de culturas, sociedade, religião, familiares, escola e empresas, tornam-se referências unicamente adotadas como o ser humano deve comportar-se como homens e mulheres.

Apesar da discussão sobre gênero e sexualidade nas escolas ser 
recomendação do governo federal (Brasil, 1998), ainda há pouco espaço para este assunto, e, diante disto, fica visível a violência homofóbica, assentada principalmente em valores passados de geração para geração.

Diante disto, diversos comportamentos homofóbicos variam desde violência física, verbal e fatal, como demonstram os dados do GGB (Grupo Gay Brasil) – Bahia, segundo os quais, em 2017, 277 homossexuais foram assassinados. Por este motivo, acredita-se que seria necessário haver mais conscientização da sociedade para mudar esta realidade e, assim, possibilitar que as próximas gerações sejam abertas e respeitosas perante as orientações sexuais, convivendo com o diferente em um clima 
de paz, no qual o que mais deve predominar é o amor pelo semelhante.

Para que uma sociedade de paz e de respeito, sem homofobia, aconteça, é claro que devemos partir de nós mesmos, pois o preconceito nasce dentro de cada um. Para aprofundamento de leitura, indicamos o artigo da professora Sonia Maria Ferreira Koehler, que trata sobre o tema “Homofobia, cultura e violências a desinformação social”. Neste estudo, a autora “aponta para a necessidade da educação da população, assim como da implementação de políticas públicas focadas na diversidade sexual e identidade de gênero e que talvez requeira a construção de uma nova política educativa”.

Texto escrito pelos acadêmicos Márcio Casanova, Pedro Henrique de Mello e Viviane de Moraes, do CESURG em Marau.

Publicidade 660-110
 
 
TAGS:
CATEGORIA: Colunistas
Fonte: Márcio Casanova, Pedro Henrique de Mello e Viviane de Moraes
Colunista:

Voltar ao topo
 


Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS

 

Velho Herói

 

Militares de volta à cena política

 

Pontos fora da curva

VER TODAS AS NOTÍCIAS +


FAÇA O SEU COMENTÁRIO

Seu endereço de email não será publicado

MAIS VISUALIZADAS

 

Melhorias são feitas nas vias da VRS 801 e AM 9165 em Almirante Tamandaré do Sul

 

Rússia e Arábia Saudita abrem hoje a 21ª edição da Copa do Mundo

 

Município promove evento multicultural nesta Páscoa

VER TODAS AS NOTÍCIAS +


Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Publicidade Norte RS
Logo Norte RS
Icone Facebook Icone Instagram Icone Contato


Icone Base Contato ENTRE EM CONTATO
 
 

NORTE RS
(54)9942-6757
(55)8442-4962
atendimento@norters.com.br

Icone Base Menu MENU NORTE RS
 
VARIEDADES
ECONOMIA E POLÍTICA
VÍDEOS
SAÚDE E BEM-ESTAR
ENTRETENIMENTO
POLICIAIS
 

ESPORTES
COLUNISTAS
OBITUÁRIO
GASTRONOMIA
EDUCAÇÃO
ESPECIAIS
CARIJÓ DA CANÇÃO GAÚCHA
 
 
NORTE RS. Todos os direitos reservados.
Logo Estúdio Sul